O título vai aqui

por Alexandre Fugita

[A imagem vai aqui] E o texto aqui: este é um post genérico. Uma das coisas boas de um blog é que você pode fazer outras coisas enquanto o site trabalha 24/7, ganha uns trocados com programas de afiliados, etc. Neste exato momento estou viajando. Posso estar em um churrasco, na piscina, tomando Sol, sei lá, as possibilidades são infinitas. Para quem ficou em casa no feriado, ou não levou o computador na viagem para checar as últimas novidades, preparei este texto, publicado automaticamente, com assuntos atemporais para que os leitores tenham sua diversão. Trata-se de um post genérico com notícias genéricas, sobre tecnologia genérica, sem links, etc… Bom feriado a todos!

Notícias genéricas

Bom, para preencher espaço em um post genérico preciso de notícias genéricas. Vou jogá-las a vocês em itens:

  • Google lança mais um serviço beta: o Google acaba de lançar mais um serviço beta e é necessário convites para entrar. Com funcionalidades simples, não é possível imaginar algum uso útil para este novo web service. O interessante é que está dentro dos padrões da web 2.0.
  • Descoberta nova vulnerabilidade no Windows: a falha é crítica e permite a invasão de seu PC simplesmente por usar o Internet Explorer. A Microsoft promete correção daqui uns 30 dias.
  • HP treina agentes da CIA: após os escândalos de espionagem da HP, os executivos da empresa abriram uma nova unidade de negócios que explorará cursos de espionagem para agentes secretos de qualquer governo que solicitar.
  • Últimas sobre pirataria: Gates e Jobs são inimigos do DRM. A RIAA e a MPAA processam senhora que nunca usou computador por pirataria. Site de torrents é fechado pela polícia na Europa.
  • A internet é uma série de tubos: a justiça, o político, a modelo e o prefeito de São Paulo, todos querem bloquear a internet pois alguns sites estão falando mal deles.
  • Novo scam explora foto de passistas semi-nuas do Carnaval: pra variar os criminosos digitais são rápidos. Já está circulando na internet um scam aproveitando da curiosidade gerada pelos desfiles do Carnaval. Quando o internauta clica, todas suas senhas são roubadas, a luz da casa dele acaba e o HD derrete.

obs: as notícias acima são genéricas e não aconteceram necessariamente de verdade.

Primeiras impressões de uso do Windows Vista

por Alexandre Fugita

[Windows Vista] Ok, sei que vocês já leram centenas de análises do Windows Vista por aí, desde a época em que o sistema operacional estava apenas em beta teste. O que me proponho a fazer aqui é descrever minha primeira impressão de uso do Windows Vista, sem me ater aos aspectos técnicos do sistema. Não comprei o sucessor do XP mas tive a oportunidade de testar a versão Home Premium OEM adquirido por uma amiga, no evento de lançamento. De antemão posso dizer que não fiquei exatamente impressionado. O software faz seu trabalho, tem alguns recursos diferentes, mas nada que me faça migrar imediatamente.

Interface

A interface do Vista está diferente, ficou mais agradável. O tão aclamado Aero não é nada de mais, algumas funcionalidades interessantes, mas que nem sempre facilitam o uso. Por exemplo, o Windows Flip 3D, aquele substituto para o Alt + Tab mais bonitinho, não é de fácil acesso. Com o mouse você precisa ir até à barra de tarefas e clicar em um ícone. Se não me engano depois é só girar a rodinha que as telas deslizam em 3D. Quando testei não sabia que existia teclas atalho para tal função (acho que é Tab + Win), e por isso não posso debater sobre sua facilidade de uso. Quanto às transparências, não vi nada de mais. Não influencia em nada o uso do Vista mas é provável que consuma performance do sistema. Há também o recurso dos thumbnails para quem gosta de abrir várias janelas de um mesmo programa (em geral o navegador de internet), mas prefira as abas presentes agora também no Internet Explorer.

[Interface Aero]

Gadgets

Nos Macs e na internet chamam-se Widgets. A Microsoft, pra não dizer que copiou, mudou o nome para Gadgets. No sistema que usei havia um relógio, um calendário, temperatura da cidade e, surpresa, um agregador de feeds RSS. É possível selecionar quais gadgets você quer na sua área de trabalho, bem como há mais variedade disponível para download. Algo que me incomodou foi o fato de não conseguir (juro, tentei de tudo) alterar os feeds padrão do Gadgets do RSS. A janela que possivelmente permitiria a inclusão de novos feeds apresentava suas opções todas desligadas, ou seja, só dava pra acompanhar notícias oficiais da Microsoft.

[Gadgets do Windows Vista]

Busca

Uma das caracterísicas mais comentadas do Windows Vista é a busca otimizada disponível no menu iniciar. Tudo que estiver no PC é localizável através desta caixinha, ou seja, é praticamente um Google dentro do Vista. Fiz um teste, mas como o computador era novo, não havia muita coisa a ser procurada. A funcionalidade se mostrou bastante rápida, com um pequeno porém: para chegar a ela é necessário entrar no menu iniciar através de um clique do mouse e depois mudar para o teclado. Novamente, só me ocorreu agora descobrir se existe um atalho. Deve existir e e provavelmente é a tecla Win. Se a tecla Win não levar diretamente à caixinha de busca a partir da digitação de qualquer texto, simplesmente o acesso é muito complicado. De qualquer forma as coisas não são intuitivas.

[a Busca no Vista]

Conclusão

Só usei o Vista por cerca de duas horas (há duas semanas e meia atrás) e a minha primeira impressão do novo sistema operacional da gigante de Redmond não foi de empolgação. Talvez um pouco mais de tempo e customizações sejam o suficiente para sanar os problemas que encontrei. Claro, pode ser que tenha viajado nas minhas argumentações acima, mas foi o que observei neste contato rápido com o novíssimo sistema operacional. Planejo um upgrade em algum momento do futuro, mas agora não há razões para isso. Só não sei ainda se será para o Vista ou para o MacOS X.

Carnaval tecnológico

por Alexandre Fugita

[Carnaval] Achava que nunca iria abordar o tema Carnaval no Techbits. Surpresa foi a minha ao assistir aos desfiles do segundo dia do grupo especial de São Paulo e me deparar com citações do mundo da tecnologia. Duas escolas em particular tiveram em seus enredos algum elemento que abrangem os assuntos discutidos neste blog: pirataria, vida on-line, segurança virtual… Confira nas fotos exclusivas do Techbits.

Pérola Negra aborda pirataria

O enredo da escola Pérola Negra era sobre a arte de vender, sobre o comércio. Um dos carros alegóricos (foto abaixo) representava o comércio do mal, os piratas, e vinha com uma série de CDs pendurados em uma clara alusão à pirataria de músicas, softwares e filmes. Verso do samba: “Comércio do bem, comércio do mal”, aka, pirataria.

[Pirataria, olha os CDs]

Vai-Vai fala sobre tecnologias do dia-a-dia

O enredo da Vai-Vai falava sobre o plástico (chamado de 4o. Reino) e seu impacto em nossas vidas. A primeira parte do desfile mostrou algo aparentemente fora do tema como o vírus e o anti-vírus, o mundo on-line representado pelas baianas e o reino da internet/ mineral, sob a forma de um carro alegórico, este último sem fotos. Verso do samba: “Em busca do saber eu naveguei”, aka internet?

[Baiana, mundo on-line]

[Vírus e anti-vírus]

Google Reader maior que Bloglines?

por Alexandre Fugita

[Google Reader vs. Bloglines] De repente, não mais que de repente (*), o número de leitores VIP do feed RSS do Techbits aumentou cerca de 45%. Levei um susto. O que poderia ter acontecido em um único dia para ocorrer tal aumento significativo? Andando pelos meus feeds logo descobri a novidade. Desde sempre o Google Reader, por mais leitores que tivesse, só reportava que havia assinantes usando o sistema e não a quantidade. O Feedburner, serviço que boa parte dos blogs usa para fornecer o RSS de seus posts, contava todos os usuários do Google Reader como apenas 1 leitor. Tanto é que o Bloglines invariavelmente aparecia como o maior entre os softwares agregadores de feeds. Esse era um dos problemas que alguns reclamavam do Google Reader. Agora, com estatísticas mais precisas, o mercado muda?

(*) verso do Soneto da Separação, Vinícius de Morais

Google Reader vs. Bloglines

Antes de continuar, se você não sabe o que é um feed RSS, atualize-se, estamos em 2007. Até ontem, sexta-feira 16 de fevereiro de 2007, o Bloglines reinava, junto com o Firefox, nas estatíticas de agregadores mais usados pelos leitores do Techbits. Desde hoje o Google Reader é primeiro colocado, por larga margem, com quase o dobro dos leitores do feioso Bloglines. Cerca de um mês atrás o Techcrunch levantou a questão de quanto do mercado pertencia ao Google Reader. Notavam que muitos visitantes vinham a partir deste agregador, mas estatísticas de terceiros mostravam que seu market share era insignificante. Empiricamente notei que muitas pessoas com quem troco informações na blogosfera passaram a usar o software de Montain View em detrimento do tradicional Bloglines. Revelada as estatísticas, não há dúvidas que agora o Google Reader reina e mostra sua força.

[Estatísticas do Feedburner]

Dicas de leitura no Google Reader

Você tem centenas de feeds e acompanha milhares de notícias todos os dias. Não dá pra ler tudo. No Google Reader é possível organizar tudo em tags. O mesmo feed pode pertencer à tag tecnologia e geek, por exemplo. Em alguns casos eu já não entro em um feed específico de algum site só para ler suas atualizações. Vou na tag geral “Apple”, por exemplo, e passo uma olhada por tudo que saiu de novo nos blogs sobre o assunto que acompanho. É a forma mais rápida e eficiente de checar 30 sites de uma só vez, rapidamente, selecionando para leitura apenas aquilo que interessar.

Uma outra dica, se você está procurando um site específico, ao invés de procurar na árvore de feeds e tags na coluna da esquerda, simplesmente digite “G” + “U”, ao mesmo tempo (exemplo abaixo). Todos seus feeds aparecerão na tela e para procurar basta digitar as primeiras letras que rapidamente e sem muito esforço o site procurado será encontrado. Também, para facilitar a leitura, é possível esconder a barra lateral digitando “U”. Tem gente que prefere assim. Tenho várias outras dicas, mas fica para uma próxima.

[Dica Google Reader]

Leia mais em:

Novo Windows não sai em 2009

por Alexandre Fugita

[Windows Vista] Os últimos dias foram tomados por um boato de que o Windows Vienna, sucessor do recém lançado Vista, estaria programado para daqui a dois anos. O assunto ferveu na blogosfera, tanto nacional quanto internacional, e teve gente criticando a Microsoft. A gigante de Redmond não costuma comentar boatos, mas desta vez abriu uma exceção e colocou um ponto final na discussão. Afirmou que já está desenvolvendo a nova versão, mas não deu datas. Segundo o ArsTechnica, a história surgiu na InfoWorld e a data de 2009 foi provavelmente uma dedução do autor do texto, com base em inferências na entrevista que fez com um VP da Microsoft. Portanto, era mesmo boato: o Vienna não chega em 2009.

A declaração da Microsoft

A tradução livre da declaração de Kevin Kutz, um Diretor da Microsoft segue abaixo e foi retirada do ArsTechnica.

“O lançamento do Windows Vista foi um momento de incrível alegria para nossos clientes e parceiros ao redor do mundo, e a companhia está concentrada no valor que o Windows Vista irá trazer para as pessoas hoje. Nós não vamos dar ainda nenhuma dica sobre a próxima versão do Windows, a não ser que estamos trabalhando nela. Quando for o momento, informaremos.”

Previsões são apenas previsões

Pra preencher espaço no post, o ArsTechnica começou também a fazer previsões sobre quando o próximo sistema operacional da empresa de Redmond seria lançado. Falaram em 2,5 anos para o SP1 e a partir daí mais 2,5 anos até o Vienna. Faz sentido, isso dá 2012 (isso é apenas uma previsão!).

A Microsoft adotou a tática certa de desmentir o boato pois isso poderia prejudicar as vendas do Windows Vista. Eu estava pensando em fazer o upgrade só daqui uns dois anos, quando o novo sistema operacional estivesse mais robusto, com softwares testados e possivelmente um Service Pack 1. Com os boatos de um novo Windows daqui dois anos já pensei em adiar tal upgrade pois não valeria comprar uma cópia do Vista se logo em seguida já estaria desatualizado. De qualquer forma o XP tem sobrevida útil até 2014. Que venha o SP1 e sejamos felizes com o Vista (fala sério!).

páginas1..102030..3839404142..5060..67

Siga-nos no Twitter Nossa página no Facebook Assine o RSS Receba os posts pro email