A multidão faz a notícia - Techbits

A multidão faz a notícia

por Alexandre Fugita

[foto retirada do Flickr] Hoje aconteceu um acidente em Nova York. Um avião de pequeno porte chocou-se com um prédio residencial em Manhattan. É provavelmente um Cirrus SR-20 que não conta com o TCAS de aeronaves maiores. Como aconteceu nos atentados a Londres em 2005, pessoas por toda Nova York, testemunhas oculares dos acontecimentos, estão publicando fotos na internet (acima, via Flickr) quase que imediatamente após o clique. É a multidão fazendo a notícia e gerando o conteúdo.

Flickr

[Flickr] Um dos lugares que fotos começaram a aparecer logo após o acidente foi no Flickr. O Flickr é a rede social da fotografia. Comprada pela Yahoo! no início de 2005, possui uma grande base de fotos amadoras colocadas pelos próprios usuários. O interessante é que cada foto é etiquetada com tags o que facilita a busca pelo que procuramos. As tags são definidas pelos usuários, em qualquer ordem, com qualquer nome. A massa de tags define as tendências e os assuntos mais postados. Faz parte da essência da web 2.0.

Ah, claro, a Wikipédia, outro lugar que a multidão publica coisas, já tem um artigo dedicado ao fato. E quer saber, é o melhor lugar para conseguir as informações mais consistentes e atualizadas.

A grande mídia e a multidão

A CNN está dando uma grande cobertura para o caso neste momento. É interessante que algumas das imagens exibidas foram enviadas por espectadores do canal de notícias. A CNN possui o i-Report, uma forma de pessoas comuns enviarem material jornalístico como fotos e vídeos para exibição na TV ou site.

[Foto Repórter] No Brasil o jornal O Estado de S.Paulo foi pioneiro nessa integração da grande mídia com a multidão. A iniciativa do Foto Repórter surgiu exatamente para explorar a tendência observada nos atentados de Londres quando passageiros do metrô, munidos de celulares com câmeras, tiraram fotos exclusivas do que havia acontecido nos subterrâneos. No caso do Estadão, qualquer pessoa que tenha uma foto recente com conteúdo jornalístico pode enviá-la ao jornal.

Blogs, o quinto poder

A imprensa é conhecida como o quarto poder. O motivo do nome é a força que possui para influenciar a política das nações. Alguns chamam a blogosfera de o quinto poder. Um exemplo recente foi a campanha feita por um blog contra a candidatura de um senador no Amapá. Ganhou adeptos e foi citada até pela imprensa.

No recente caso da compra do YouTube pelo Google, a primeira fonte do rumor partiu de um blog chamado TechCrunch. Alguns duvidaram mas até o Wall Street Journal e o New York Times citaram o site como fonte segura. No final era tudo verdade como vimos dias atrás. Que a força esteja com os blogs.

Comentários do Facebook
3 comentários
  1. É a colaboratividade reinando no novo mundo…

  2. Pois é, o negócio é a colaboração. Acho que de tanto bater nesta tecla os leitores deste blog talvez tenham cansado do assunto, hehe! Apesar disso trata-se de algo fascinante.

  3. Super fascinante.
    É o futuro da rede, concerteza.
    Descobri outros estes dias bem bacanas, talvez renda um post.

Deixe um comentário

Faça apenas comentários relacionados a este post. Caso tenha dúvidas, sugestões, críticas, ou queira discutir qualquer outro assunto que não esteja relacionado a este post, entre em contato pelo formulário ou através do email [email protected]

Siga-nos no Twitter Nossa página no Facebook Assine o RSS Receba os posts pro email