GoogleOS já existe

por Alexandre Fugita

[Google] Não é de hoje que dependo mais dos softwares fornecidos pela Google do que aqueles feitos pela Microsoft. Sou um usuário Windows que só usa tal sistema operacional como uma camada para obter os serviços da Google. Ok, ainda instalo programas interessantes no desktop e dependo dele para muitas coisas. Mas tenho notado que boa parte do meu uso está dedicada a softwares do Google. Processamento de textos, leitores de RSS, e-mail, busca, calendário… Agora lançaram mais um serviço útil: o Gmail como cliente de email. Para quem não percebeu o GoogleOS já existe.

Gmail ao invés de Outlook

Há alguns dias o Gmail passou a oferecer a possibilidade de baixar em sua interface mensagens via POP de outros serviços. Isso não é inovador mas é algo que faltava ao melhor webmail gratuito que existe. Ainda não está disponível para todos mas agora que o Gmail virou cliente POP, pode substituir perfeitamente o Outlook, com uma grande vantagem: e-mail baixado no computador exige manutenção. Explico: quando se troca de PC, de HD, de trabalho, etc… todos aqueles e-mails e contatos acumulados precisam ser movidos também. Haja trabalho. Com o Gmail agregando todas as suas mensagens, quem precisa do Outlook?

GoogleOS

Lançar um sistema operacional para ser instalado em computadores não parece uma boa idéia. Já existe por aí há algum tempo o Windows, o MacOs e o Linux para preencher este espaço. Então a grande idéia que sai da onda da web 2.0 é criar um sistema operacional on-line. Você pode dizer que o conceito de sistema operacional não se aplica a um serviço web, mas creio que possa ser expandido para englobar essa modalidade de software. Um webOS não seria exatamente um sistema operacional da forma que conhecemos, mas conteria serviços e softwares úteis que concorrem com as soluções “verdadeiras” hoje no mercado.

Nos últimos dois anos o Google e outras startups têm lançado uma série de serviços intitulados de web 2.0. São softwares on-line que funcionam como alternativas aos softwares instalados em nossas máquinas. A gama de serviços é grande e é possível substituir muitas aplicações off-line por equivalentes on-line. Nos últimos dois anos a Google lançou, ou comprou, diversos serviços web. Olhando de longe e guardadas as devidas proporções podemos dizer que a união desses serviços é um sistema operacional.

Comentários do Facebook
20 comentários
  1. Acredito que para o Google, nem o céu é o limite, os caras já provaram ter capacidade para fazer coisas boas, na verdade os serviços que vemos até agora não é nem 1% de todo o trabalho necessário para a criação de um sistema operacional páreo para os grandes S.Os existentes hoje em dia, mas a questão X é que o google é sim capaz de fazer um S.O, a questão roda em torno do quão “bom” ele seria… Porem o que vemos é que o Google investe pesado em serviços voltado para web, mas eu sinceramente não descarto essa chance.
    Li em algum local que um dos criadores do Google não tinha isso em mente (criar um S.O) mas quem sabe? Agora, se eles criassem aposto também que seria algo muito bom, pois o google, diferente de outras empre$a$, fala a língua do usuário, faz da tecnologia algo simples, fácil até para um leigo e esse já é um grande diferencial. Tempo ao tempo e vamos ver ;)!

  2. Então, pensei no Outlook quanto estava escrevendo sbre o gmail captar POP3, mas lembre que tem muita gente que utiliza o Outlook por ser um cliente off line, quer dizer, ele fica na maquina do usuário, acho que a tacada final seria realmente um cliente para desktop, aí sim o Gmail dominaria e ninguem mais precisaria do Outlook!

    Abraços

  3. Olá Tiago!

    É verdade, o Google é inovador. Mas eu não acho que um dia criarão um S.O. O que eu gosto das aplicações web é que elas não exigem que eu esteja em determinado computador, fixo, preso. E também não preciso ficar transferindo arquivos de um lado para o outro. Fora que em algumas delas existe a colaboração em tempo real que é fantástica.

    Acredito que as aplicações web irão evoluir do que são hoje (só o básico) para softwares bem melhores. Estamos apenas na infância deste tipo de aplicação.

  4. Olá Nando Master!

    É verdade. As pessoas usam o Outlook exatamente por ser off-line. Eu praticamente só uso o computador conectado à internet. Na verdade a internet é a parte central do meu uso de computadores. Acho muito mais fácil fazer uma pesquisa nos emails antigos no Gmail do que em um Outlook. Só isso já é uma grande vantagem. Acho que o Vista vai melhorar neste aspecto.

    Eu na verdade uso sim um cliente de e-mail. Mas no Palm. Baixo emails lá e leio qdo dá tempo. Mas não mantenho nada arquivado no PDA. Apago após a leitura. O meu arquivo é o Gmail. Não preciso me preocupar com manutenção, nada disso. Na minha opinião, muito mais simples.

  5. Olá Alexandre! Tudo bem?
    Sou daqueles que uso o Google para tudo.
    Aliás, há muito tempo já não uso mais o Outlook. Acredito que se o update da Microsoft (o Office 2007) não valer a pena, esse aplicativo estará morto e enterrado (sem exageros, claro! rs).

    O GoogleOS já existe sim!
    E os muitos OS que surgiram ainda não brilharam tanto como ele ;-)
    Não sei bem amigo, mas acho que o “Reinado do Google na Web” está apenas começando. Será um prenúncio? Bom para nós, não é?

    Abraços.

    ps. tentei comentar antes e não ia.
    só agora vi seu post abaixo sobre o assunto.

  6. Apesar da voz oficial do Google dizer que não estão a desenvolver um Sistema Operativo, todos sabemos que estão a trabalhar nisso.

    Para além o correio online, das folhas de cálculo, do processador de texto, não se podem esquecer do Picasa Web, para fotos, assim como o previsível (e já desvendado) sistema de armazenamento de ficheiros online.

    Ainda hoje correram rumores de que o Google estaria interessado na aquisição do ThinkFree, uma espécie de Office para desktop. Para que pretendem uma aplicação offline quando já a têm online?

    Para fazer a integração online/offline. No caso, se for rápido e com interface agradável (Picasa é um bom exemplo), então não duvido que muita gente vai esquecer o Windows, Mac e Linux.

    Até porque a nossa dependência pelos serviços online, como o Alexandre referiu, está a tornar estes sistemas operativos, sobretudo as suas aplicações mais generalistas, menos imprescendíveis.

  7. Olá Neto!

    Legal, vc, em relação ao Google age como eu! E estou satisfeito com os serviços deles. Eu nem sei mais configurar o Outlook (estou exagerando, claro… se fuçar, lembro).

    O Google é uma empresa relativamente nova e cresce muito rápido. Espero que essa energia continue e se transforme em melhores e mais úteis serviços.

    obs: o problema de não conseguir comentar foi resolvido. Era culpa do Bad Behavior. Falou!

  8. Olá Googlaxy!

    É, os rumores são fortes… mas será que vale a pena para eles desenvolverem um sistema operacional real?

    Eu não citei todos os serviços do Google como o Picasa ou o rumor do Google Drive, mas com certeza fazem parte do GoogleOS.

    Eu também acho que os sistemas operacionais perderão a importância… mas sempre existirão… talvez os SO mudem totalmente de conceito para algo que a gente ainda não concebeu e se integrem definitivamente à internet. Se isso não ocorrer, realmente ficarão mais generalistas.

  9. No Google alguns profissionais utilizam o Linux Ubuntu e saiu um boato de um tal Goobuntu :)

    Acredito que seja mais negócio pro Google fazer o Linux crescer para ser apenas uma boa camada gratuita para os aplicativos web da empresa.

  10. Olá Glaydson!

    Tô ligado no Goobuntu! Parece que internamente o Google usa uma versão do Ubuntu e que foi apelidada de Goobuntu… Mas provavelmente não é para lançamento para o público.

    Eu quase que já considero os sistemas operacionais apenas uma camada para rodar o browser, ou seja, a web e suas aplicações.

    Falou!

  11. Também não acredito que o Google irá lançar um SO. Talvez a demanda de usuários não fosse suficiente, uma vez que outros SOs dominam o mercado. Seria um mercado pra quem está antenado em TI e não pra usuários “comuns”. Estes SOs existentes provavelmente terão que se adaptar às mudanças provocadas pela web, no entanto não acho que seja algo para amanhã.

    Abraço.

  12. Olá Aldemir!

    Na verdade mesmo esses serviços inovadores da web são voltados mais para os antenados do que o usuário comum. Este nem faz idéia dos novos serviços e se falamos sobre eles acham uma tremenda bobagem.

    Concordo com vc que os SOs existentes terão que se adaptar a uma nova era que nós por enquanto não conseguimos nem imaginar como será, e qualquer previsão será só isso mesmo, uma previsão.

    Falou!

  13. com certeza o google vai fazer seu os web 2. afinal de contas nao é mera coincidencia. se até eu mero humano sei disso, pois eu e um grupo de alunos de ciencia da computação do senac /SP, estamos criando um sistema operacional 100% web para derubar o tio bil. o google que nao é besta ja deve ter penssado nisso e sabe que esse é o futuro iremediavel da humanidade. alias quem quiser mais informação é so me mandar um email
    marco_akira_tetissu @ hotmail.com

    estamos aceitando colaboradores,..

  14. Marco,

    Certamente todos pensam nisso. Para alguns é sonho e outros pesadelo, hehe!

    Interessante que vc e seu grupo de alunos estejam criando um OS. Parabéns!

    Abraços!

  15. Pra quem quiser testar um sistema operacional online 100% brasileiro, visite CodeoramaOS. Editor de Textos, Editor de Fotos, Editor de Planilhas, Workgroup, Antivirus Online, 100% customizável (ícones, papel de parece, temas, janelas). Vale a pena conhecer esse projeto em desenvolvimento.

  16. Codeorama,

    Legal, não sabia. Vou checar.

    Abraços!

  17. […] sobre o Google OS , mas o pessoal tem se esquecido, ou melhor, tem deixado escondido o verdadeiro sistema operacional criado pelo Google. Os serviços oferecidos hoje pela empresa formam um suíte completo de utilidades que poderiam […]

  18. 18. Fábio disse em 2 jan 2008 - 12:10

    E qual que é o link dele?

  19. […] mas agora que o Gmail virou cliente POP, pode substituir perfeitamente o Outlook, com uma grande vantagem: e-mail baixado no computador exige manutenção. Explico: quando se troca de PC, de HD, de […]

  20. De fato, o Google tá mandando ver há muito tempo, no entanto, não consegue liberar um nome de usuário de conta do google que tenha sido cancelado nem reativar caso você não lembre os dados que usou para criar a conta. Nesse ponto, a Microsoft está ganhando ainda com o hotmail, pois mesmo que você tenha absoluta certeza de que quer apagar a conta, eles só fazem efetivamente depois de 3 meses sem nenhum acesso à conta. Nem tudo é perfeito né?
    Abraço.
    Ota

Deixe um comentário

Faça apenas comentários relacionados a este post. Caso tenha dúvidas, sugestões, críticas, ou queira discutir qualquer outro assunto que não esteja relacionado a este post, entre em contato pelo formulário ou através do email [email protected]

Siga-nos no Twitter Nossa página no Facebook Assine o RSS Receba os posts pro email