Entrevista com co-fundador do Rec6, Renato Shirakashi - Techbits

Entrevista com co-fundador do Rec6, Renato Shirakashi

por Alexandre Fugita

[Rec6] Hoje o Rec6 saiu do beta alpha. Para quem não conheçe o Rec6 é um site no estilo do Digg, de notícias colaborativas na qual o controle editorial está nas mãos dos usuários, através da interação entre eles. O serviço pertentece à Via Syxt, rede social fundada por Renato Shirakashi e Diego Monteiro em 2005 com foco em networking profissional. O Techbits entrevistou por email Renato Shirakashi de Sousa, Diretor de TI, e sócio fundador do empreendimento. Blogosfera, preparem-se para o efeito Rec6.

[Capa do Rec6]

O que é o Rec6 e de onde surgiu a idéia?

O Rec6 é um site de notícias colaborativas. Ao contrário de outros sites do gênero, no Rec6 os próprios usuário enviam links para notícias e decidem, através de votação, quais são os melhores links para publicação na capa do site. Não há intervenção editorial e isso é o que torna o conteúdo tão especial. A notícias estão ali na capa pois os leitores assim escolheram e não um grupo editorial.

O modelo é o mesmo usado pelo digg.com, site de muito sucesso nos EUA. A idéia inicial desse tipo de site veio muito tempo antes, através de iniciativas como o slashdot.com. A diferença é que o Digg faz muito mais sucesso hoje do que todos aqueles que o precederam. E isso tem uma razão. É porque é simples. Simplicidade é tudo. E esse é um dos cernes da filosofia do Rec6.

Vocês já oferecem desde o ano passado o Via Syxt, uma rede social voltada para networking profissional. Surge agora o Rec6. Colaboração, esta é a chave?

Desde o início acreditamos muito na colaboração. Além disso, que a colaboração poderia ser usada para construir algo de relevância e utilidade para todos, além do entretenimento comum. Um grande exemplo disso é a Wikipédia, que é fantástica.

A Via Syxt, nossa empreeitada, que depois agregou um novo serviço, o Rec6, baseia-se totalmente nesse conceito. Os usuários são os grandes responsáveis pela comunidade. Colaboração com certeza é a chave do nosso negócio.

Nota-se que no Rec6 as notícias são promovidas de acordo com um algoritmo bem diferente de outros sites de noticícias colaborativas. Quais são os principais critérios levados em conta nesta promoção?

O algoritmo do Rec6 é diferente dos demais pois leva em conta também o tempo em que a notícia é relevante. Na maioria dos outros mecanismos, uma vez na capa a notícia está fadada a desaparecer, assim que aparecerem novas notícias promovidas. O Rec6 respeita as notícias que continuam recebendo votações para continuar na capa e as mantêm ali. É claro que em algum momento essa notícia deixará de ser relevante e dará espaço para outras.

Além disso, nossos esforços estão voltados para personalização. Através de diversos critérios verificamos as notícias mais relevantes para o perfil de cada usuário. Nesse sentido, usuários do Rec6 também cadastrados na comunidade Via Syxt têm vantagens, já que podem nos dar mais informações, através de seu perfil, para que possamos encontrar notícias cada vez mais relevantes para ele.

Agora que o Rec6 saiu do beta alpha, como será feita a monetização do serviço?

Através de publicidade, principalmente.

E as novidades que foram / serão lançadas?

Nós da Via Syxt trabalhamos com o conceito de lançar pequenas atualizações constantemente ao invés de grandes mudanças em períodos de tempos mais espaçados. Isso nos dá maior flexibilidade. Por isso, novidade é algo que sempre se encontrará em nossos produtos. Quando colocamos no ar o rec6 pela primeira vez, as atualizações eram quase diárias.

Quanto ao que está por vir no Rec6, posso dizer que abrangem, principalmente, integração com a comunidade virtual, sistemas para aumentar a relevância das notícias para cada usuário e ferramentas para bloggers, como os famosos widgets.

Startups brasileiras são raras. Há investidores interessados no nosso mercado? Que recomendações você daria a novos empreendedores?

Sim, há investidores. Claramente, a quantidade é bem menor que no mercado americano, mas existem sim e estão buscando bons projetos. Acho que faltam mais bons empreendimentos do que investidores, especificamente no mercado do Internet.

E vejo dessa maneira porque o Brasil é um país sem uma cultura empreendedora, totalmente ao contrário do que ocorre nos EUA. E também existe a imagem de que bons projetos vêm de boas idéias, o que é uma mentira. Bons projetos vêm de boas implementações. Uma idéia por si só não é nada.

Comentários do Facebook
16 comentários
  1. Entrevista muito legal. Sou usuário ativo do rec6 e creio que ele tem tudo para dar certo

  2. Olá Allan!

    Que bom que gostou da entrevista! Pretendo publicar outras entrevistas no futuro.

    Ah, esqueci de colocar no texto,

    Agradeço ao Renato do Rec6 pela oportunidade da entrevista e desejo muito sucesso na empreitada.

  3. 3. Pedro disse em 7 nov 2006 - 21:34

    Acabei de conhecer o Rec6 e gostei muito! Fiquei no site por meia hora e percebi que é um site muito útil pois economiza nosso tempo pois não precisamos ter que ficar indo de site em site de jornal em jornal para ficarmos sabendo das principais notícias do momento. A partir de agora pretendo utilizá-lo diariamente!

  4. 4. Marcos Schung disse em 7 nov 2006 - 21:35

    Olá! Estou começando a usar o rec6 agora. Achei muito legal o site. Tem umas funcionalidades muito boas e um visual bem legal. Acho importante o site ter um conteúdo específico. Não fica igual aos outros sites do tipo que tem notícias de todos os tipos. Muito boa essa entrevista com o criador do rec6. Bom saber que existem pessoas que têm essa visão de colaboração e acreditam que a web pode ser um meio onde as pessoas crescem pessoal e pofissionalmente. Abraços!

  5. Olá Pedro e Marcos!

    Que bom, a entrevista já converteu pelo menos mais dois usuários para o Rec6. Eu sou fã de sites como o Rec6, que juntam colaboração da multidão para atingir determinados objetivos. E o mais interessante é que aquilo que é mais importante para os usuários acaba ganhando destaque entre as notícias postadas em uma espécie de inteligência coletiva.

    Até!

  6. 6. Jacqueline Rodrigues disse em 7 nov 2006 - 22:08

    Sou usuária da Via Syxt já faz mais de um ano e agora usuária da Rec6.
    Gosto bastante de ambos os serviços, a Via Syxt para contatos profissionais, participar de foruns etc . Na Rec6 para ficar por dentro das notícias mais recentes.
    Sobre a entrevista tbm gostei bastante, acho interessante a parte “também existe a imagem de que bons projetos vêm de boas idéias, o que é uma mentira. Bons projetos vêm de boas implementações. Uma idéia por si só não é nada.” Tantas boas idéias mal implementadas não conseguem ir pra frente.. uma pena.

  7. Olá Jaqueline!

    Os dois serviços são ótimos. Eu na verdade acabo de entrar no Via Syxt e sou usuário há algum tempo do Rec6. Aqui no Brasil surgiram vários sites de notícias colaborativas mas eu acho o Rec6 acabou por se revelar como o melhor de todos, com as notícias mais relevantes, pelo menos na área de tecnologia.

    Ah, conheço vc… na verdade já tinha visto que vc é uma das top 10 contribuidoras do Rec6!

    Até!

  8. 8. Diogo Vernier dos Santos disse em 9 nov 2006 - 08:47

    Como a Jaqueline, também participo da Via Syxt e do Rec6. Recomendo aos internautas brasileiros, pela boa qualidade e por serem iniciativas na língua portuguesa.

    Fui!

  9. Olá Diogo!

    Também recomendo! Acho que o Rec6 é uma ótima iniciativa e está se mostrando a cada dia mais relevante.

    Até!

  10. […] Entrevista com co-fundador do Rec6, Renato Shirakashi […]

  11. 11. Citação de Techbits em 3 jan 2007 - 12:10

    Techbits é destaque em tecnologia…

    O site de notícias colaborativas Rec6 divulgou ontem a lista de sites que se destacaram em 2006. Para os que não sabem, o Rec6 promove notícias enviadas pelos seus usuários à sua página principal de acordo com o desejo das multidões, ou seja, os…

  12. 12. Citação de Techbits em 5 jan 2007 - 16:07

    Rec6: comentários sincronizados…

    Blogs são conversações. Blogversações. A possibilidade de interação entre quem gera o conteúdo e o leitor é uma das característica que diferenciam essa forma de mídia das outras, chamadas tradicionais. Isso está na essência da web e foi in…

  13. […] Bem, rec6 é um serviço, disponibilizado como uma cortesia da Via Syxt, parecido com o famoso Digg – com algumas diferenças é claro. Alguns estão divulgando o serviço, mas o fato é que poucos usuários estão realmente utilizando. Para mais informações, veja a entrevista com um dos fundadores do rec6 disponibilizado pelo Techbits. […]

  14. 14. Marcelo Costa de Oliveira disse em 2 fev 2007 - 19:47

    Parabéns ao TechBits e ao Rec6!
    Excelente entrevista.

    Hoje, dia 02/Fev/2007, é uma data importante para o mercado de Internet no Brasil.

  15. Marcelo!

    Obrigado pelo comentário, o Techbits agradece! A entrevista foi uma oportunidade de divulgar o serviço e o Techbits ao mesmo tempo.

    Só não entendi o porquê do dia 2/2/7 ser importante para o mercado de internet brasileiro. Vou checar no meu RSS, hehehe!

    Abraços!

  16. 16. Citação de Techbits em 15 mar 2007 - 10:36

    O Vale do Silício é aqui…

    Essa notícia é pra comemorar. O Via6, rede social voltado ao mercado corporativo, e o Rec6, site de notícias colaborativas, receberam há cerca de 1 mês um aporte da capital da Confrapar, investidora de capital de risco. Segundo matéria do IDGNow!…

Deixe um comentário

Faça apenas comentários relacionados a este post. Caso tenha dúvidas, sugestões, críticas, ou queira discutir qualquer outro assunto que não esteja relacionado a este post, entre em contato pelo formulário ou através do email [email protected]

Siga-nos no Twitter Nossa página no Facebook Assine o RSS Receba os posts pro email