Você vai querer permanecer anônimo

por Alexandre Fugita

[Anônimo] Conversando com um amigo descobri que uma de suas preocupações era de como a internet expõe as pessoas. Uma simples pesquisa no Google revela muita coisa sobre cada um de nós. Imagina o orkut. Isso pode ser útil quando você quer checar uma pessoa. Rh de empresas fazem isso o tempo todo. Mas pode ser ruim quando alguma informação, não necessariamente prejudicial, pode estar disponível na internet sem que você queira. Segundo um artigo no The State: “Prediction: The new hot thing in our future will be anonymity. To be un-famous. To be Googled — and to not be there. No link. No Wiki. No tube, space or face. No nothing.” (*). Sério mesmo, você vai querer permanecer anônimo.

(*) ia traduzir, mas perderia o sentido.

15 minutos de fama

É famosa a frase de Andy Warhol dizendo que “um dia, todos terão 15 minutos de fama”. Transpondo essa frase para o fenômeno cultural chamado internet podemos dizer que é verdade. No YouTube não param de surgir celebridades. Tivemos a LonelyGirl que depois descobrimos ser uma jogada publicitária. Outros vídeos ficam famosos da noite para o dia. No orkut, todo mundo tem 300 amigos. Acho que isso pode ser interpretado como os 15 minutos de fama. Ninguém tem 300 amigos fora do orkut. Fora que ser dono de uma comunidade conhecida é ser famoso.

Há sites na web dedicados a esquadrinhar atitudes nem sempre louváveis de pessoas. Um exemplo é o Não saia com ele, site feito por mulheres que ficham seus ex-futuros cara metades. A idéia foi baseada na versão americana Don’t date him, girl. Outros se dedicam a exibir fotos de carros de pessoas que estacionam mal, ou ainda de quem dirige atrapalhando o trânsito. Não duvido nada que existam outros sites do gênero. Ficar famoso em um deles não é exatamente os 15 minutos de fama almejado por alguns.

Use a web em benefício próprio

Caiu na internet, já era. A informação vai ficar ecoando pelos bits e bytes por muito tempo. Então o negócio é usá-la para seu próprio benefício. Quando alguém procurar seu nome no Google, que apareça nas primeiras posições algo que seja útil para você, e não sua ficha em algum dos sites acima mencionados, ou pior, na imprensa relacionado a algum caso embaraçoso.

Existe uma certeza: o Rh vai checar você no Google quando estiver participando de um processo seletivo. Seu chefe vai fazer o mesmo quando estiver indeciso sobre quem será promovido para aquela vaga que acabou de abrir. Aquela gatinha que você vai encontrar hoje à noite já checou tudo antes pela internet. Então o melhor a fazer é estar bem na foto, pois a foto sempre vai existir, queira você ou não.

[Atualização]: Leia o excelente texto Será que sabemos usar a internet? do blog 3pontozero.

Comentários do Facebook
12 comentários
  1. Acredita que recentemente eu estava pensando nisso sobre a web.
    Acho que caminhamos para o fim da privacidade como um todo.
    Será que ainda há solução?

    Abraços

  2. […] [UPDADE: Se inevitavelmente a grande rede nos expõe, que pelo menos utilizemos isso a nosso favor então. =D] […]

  3. Neto,

    Pois é… esse é um tema que sempre estou pensando também e é mais ou menos recorrente aqui no Techbits. Existe sim uma solucão:

    Robots.txt
    User-agent: *
    Disallow: /

    hehehe!

    Até!

  4. hahahaha
    É isso aí! ;-)

  5. Exatamente por isso que eu não coloco fotos minhas no orkut. Depois o povo diz que é porque eu tô com vergonha de me mostrar e tal. Mas me mostrar pra que? Para um bando de desconhecidos ou desafetos meus que adorariam pegar essas fotos e fazer certas “modificações”? Não, muito obrigada.

  6. Olá Gabi!

    Exato! Eu não gosto desta idéia de colocar fotos na internet ou principalmente no orkut (que aliás, jamais entrei). Se um dia esse tipo de coisa for “obrigatório” para a sobrevivência social, mudo-me para uma ilha deserta, hehehe!

    Abraços!

  7. Gostei do texto.

    Ontem um colega meu de faculdade veio me falar do “video vergonhoso” que tem lá no estagio que eu fiz a uns dois anos. Bom, é verdade que existe um vídeo meu dublando uma música brega que tem no GTA: Vice City, porém, aquilo foi filmado como uma despedida do estágio. Outro estagiario que também tava de saída fez dublagem com outra música e antes de mim. Inclusive só aceitei brincar porque o outro cara também participou.

    E o que isso tudo tem a ver com o texto acima? Simplesmente que esse colega “ameaçou” colocar no YouTube e aí eu disse: ah, pode pôr. Não faz diferença. Eu fiz aquilo conciente e pra zoar.

    Não sei se ele vai realmente pôr ou não, só sei que eu não me importo muito com isso. E tenho certeza que se tivesse feito alarde já tava lá a tempos, haha! Isso me expõe de certa forma? Sim. E isso iria influenciar na minha vida? Acredito que não.

    Alguém iria procurar aquilo e vir me zoar não faria muito sentido e eu iria perguntar: você acha que alguém faria aquilo achando que tá mandando bem ou porque a pessoa tá de sacanagem porque a música é muito chata e o cara que trabalhava na mesma sala que você enchia seu saco com ela? Ah! Você acha o primeiro?? Legal… até mais e obrigado pelos peixes, campeão/campeã!

    E fora isso, acho que minha cara já nao tá na internet faz tempo. Em um ou outro fórum, mas nada de orkut, myspace, youtube, etc.

    Até!
    Grande Abraço !

  8. Olá Ricardo!

    Bom, há coisas que são inofensivas como esse vídeo que vc citou. Não iria mudar como as pessoas te avaliam. Mas há outras coisas que não seria nada interessante que caíssem na internet.

    Também estou na internet faz tempo. Então como disse, já que a foto vai existir, melhor que seja boa, hehehe!

    Abraços!

  9. Se vai copiar, faça direito…

    Esses dias o Techbits foi “atacado” pela enésima vez por copiadores descarados de conteúdo. Tentei resolver com o blog copiador mas, ao contrário das outra vezes, não consegui. Não há email ou qualquer forma de contato. Tive que apela…

  10. quero criar um orkut anonimo

  11. Luis,

    Crie um email alternativo e o utilize para criar um perfil falso…

  12. quen quiser me conhecer entre no site

Deixe um comentário

Faça apenas comentários relacionados a este post. Caso tenha dúvidas, sugestões, críticas, ou queira discutir qualquer outro assunto que não esteja relacionado a este post, entre em contato pelo formulário ou através do email [email protected]

Siga-nos no Twitter Nossa página no Facebook Assine o RSS Receba os posts pro email