Microsoft vs. Apple: essa briga não existe - Techbits

Microsoft vs. Apple: essa briga não existe

por Alexandre Fugita

[Gates e Jobs] Ontem foi um dia interessante no mundo da tecnologia. Fora os lançamentos diversos como o Surface da Microsoft, o Foleo da Palm e o iTunes sem DRM, ocorreu um encontro dito histórico entre dois dos mais destacados personagens da história recente da tecnologia. Steve Jobs e Bill Gates dividiram o palco com o Walt Mossberg para uma entrevista que foi pra lá de interessante na D: All Things Digital. O webcast está disponível em 8 partes (0, 1, 2, 3, 4, 5, 6 e 7), acabei de assistí-lo e também pude acompanhar uma quase-transcrição da apresentação no Engadget e outras fontes.

O que percebemos logo de cara é que toda aquela briguinha besta de fanboys dizendo que o Mac é mais legal, o Windows tem maior mercado, que um é melhor que o outro, etc…, são coisas sem importância para Jobs e Gates. Ambos com ótimo humor contam como as histórias de suas empresas se tocam em vários pontos e que para a Microsoft a Apple foi importante para sua entrada no mercado de aplicativos. Jobs também diz que quando criou o primeiro dos Apples, o Wozniak não fez um sistema de ponto flutuante para cálculos. Foram buscar ajuda na MS.

Hoje em dia ainda vivemos uma briga entre usuários de plataformas. Os amantes do Linux não toleram o Windows que por sua vez não toleram o Mac e vice-versa em todos os sentidos. São praticamente religiões, com suas crenças, rituais, etc. Sou usuários de Windows, há anos. Mas já usei Mac e Linux Ubuntu. Certa vez fui a uma lanhouse na praia – sim, era feriado mas necessitava ver como andavam as coisas no Techbits e de quebra saíram posts aqui e no Meio Bit – e, surpresa, as máquinas rodavam Ubuntu.

O engraçado é que eu nem me dei conta disso, mesmo estando com um pendrive com a versão portable do Firefox, versão Windows. Coloquei o pendrive, rodei o Firefox Portable de Windows no Ubuntu, naveguei, editei posts, etc… Quando ia embora percebi que o computador rodava Linux. Como? Tinha o Wine instalado, “emulador” Windows no Linux. Como praticamente consigo fazer tudo dentro da janela do navegador, o sistema operacional rodando por baixo não fez qualquer diferença.

O que o Gates e o Jobs mostraram, com muito bom humor, é que são concorrentes mas não inimigos. Cada um sabe a importância do outro e se respeitam. Nada a ver com as brigas Mac x Win x Linux.

Veja um vídeo-resumo, com os principais pontos do que aconteceu, abaixo:

Comentários do Facebook
26 comentários
  1. Fantástico! :D.

    []’s!

  2. Muito bom mesmo, vou dar uma olhada no vídeo, a gente muitas vezes esquece que essa briguinha entre usuarios nao se reflete nas empresas, concorrencia é diferente dessa “picuinha” como os proprios f****** de cada uma das empresas disseram.

    Essa concorrência na verdade é ótima para nós consumidores que sempre teremos um software de qualidade já que os concorrentes sempre tentam nivelar por cima!

    Abs

  3. Opa Alexandre!

    É claro que Microsoft e Apple tem muuuitos pontos em comum, o mais importante deles é o paradigma (da Era Industrial) de sistemas fechados! (No caso da Apple é hardware e software), no caso da Microsoft software e um ou outro hardware.

    Eu sinceramente não vejo esta “briga de usuários de plataformas” embora reconheça alguns excessos de fanboys :-)

    O que há é *defesas de pontos de vistas completamente diferentes* e, que parecem, a história tem corroborado (ou caminha para) um destes pontos de vista.

    Numa sociedade em que a comunicação e a informação se tornam cada vez mais abundantes, sistemas fechados tendem a se tornar pouco eficientes… A economia dos bens intangíveis é incompatível com sistemas fechados…

    Algumas empresas vão tentar de todos os modos (FUD, advogados, cooptar formadores de opiniões(?)) manter-se como hegemônicas, outras vão preferir trabalhar com nichos de mercados…

    Quando alguém defende um paradigma não está brigando com o outro ponto de vista! Está apenas sendo visceral e contundente, mas não brigando!

    Brigar é quando há ataques sistemáticos (você conhece alguma empresa que vive dizendo que Linux fere 200 patentes mas nunca as mostra?) ao outro ponto de vista!

    Num futuro, não muito remoto, com as aplicações na WEB 2.0, a plataforma perderá um pouco a importância, mas o modo de produção e distribuição do conhecimento permanecerá sempre importante!

    É esta a questão fundamental :-)

    Confrontar idéias (frisando que isto é diferente de brigar!) é sempre bom, principalmente em blogues, pois afinal, blogues são conversações :-)

    Abraços!

  4. […] Microsoft vs. Apple: essa briga não existe. […]

  5. Que essa briguinha de usuários não os afeta eu concordo. Mas tenho certeza que eles tem um “briguinha” particular com motivos bem diferentes de “o PC guy da propaganda é mais legal que o Mac guy”.

    Não vou me iludir com um aperto de maõs.
    Quantos apertos de maõs já não vimos entre presidentes que depois guerriaram?
    Abraço.

  6. […] Esse artigo é inspirado em um texto escrito pelo meu amigo Alexandre Fugita, do Techbits, no artigo “Microsoft vs. Apple: essa briga não existe“. […]

  7. Opa!

    gostei do artigo, ficou bom :)

    olha, eu sou um adepto do software livre em projetos pessoais e trabalho numa empresa Microsoft Partner, onde temos uma parte migrando para C#/.Net e outra parte migrando para RoR.

    eu acho que existem várias “brigas”, e muitas delas são bobas, coisa de mentes pequenas… eu acho que sendo profissional, você sabe distinguir o quanto uma tecnologia é adequada como solução para um problema, e isso basta.

    estavam ali dois gênios, o Bill Gates dos negócios e o Steve Jobs da criatividade, mas nenhum dos dois é uma flor: o primeiro tem fama de trapaceiro e o segundo tem fama de péssimo patrão.

    agora o que eu não gosto da Microsoft (e ela tem melhorado nesse sentido, em alguns pontos) é que ela é capitalista demais, a ponto de abusar do próprio cliente. Veja que a política dela para áreas onde ela não domina é de preços de banana, e nas áreas onde domina, preços abusivos. O Windows nem na lua devia valer mais do que 50 ou 100 reais. É um otimo sistema operacional, mas é só, e é isso que me desagrada.

    como não tenho grana sobrando e gosto demais do ambiente de software livre (eu realmente me sinto livre quando estou num *nix), eu vou de Ubuntu, OpenOffice, etc…

    e quando eu tiver dinheiro pra comprar um Vista, provavelmente vou tê-lo para testar minhas criações e conhecer novidades só disponiveis para plataforma Windows. Fora disso continuo no Linux, não tenho motivos para não usá-lo.

    abraços!

  8. Rodrigo,

    Fantástico, divertido e histórico!

    Rangel,

    Enquanto nós consumidores nos digladiamos, o Jobs e o Gates parecem grandes amigos. Mas no mundo empresarial são inimigos que se respeitam. E isso é ótimo para o consumidor.

    Sérgio,

    Acho que as plataformas fechadas existem e vão continuar existindo pelo simples fato que nenhuma empresa quer virar commodity. A Apple é quase o exemplo master disso. Seus produtos proprietários, seus lançamentos em curtos períodos de tempo são tentativas de não virar commodity. As plataformas abertas são commodities e para explorá-las é necessário vender inteligência (serviços) que não é commodity. A MS e a Apple estão em um ponto que vendem produtos para não virar commodity. Outras empresas vendem serviços para não virar commodity. Acho que é isso. (obs: dá até um post!)

    Tonobohn,

    Na verdade perecebemos umas estocadas sob a forma de piada entre os dois na entrevista. Acho saudável, foi interessante. Mas o PC Guy é o cara que faz a coisa funcionar. Palavra do Jobs!

    Marinho,

    Vc tem razão, o Jobs e o Gates tem personalidades bem diferentes. Acho que isso reflete na empresa que criaram.

    Quanto a sua preferência por software livre, apóio também. Só que no momento uso um mix de software livre e proprietário, tendendo ao FLOSS.

    Abraços a todos!

  9. […] dessas acho que ninguém mais tem dúvidas (se cuide Microsoft vs. Apple!) O Google vai mesmo dominar a […]

  10. 10. xauzim disse em 3 jun 2007 - 15:06

    Não existe? Isso é oq eles falam pelo menos!

  11. xauzin,

    Existe e não existe. Não é aquele radicalismo que vemos entre fanboys, e não é aquela amizade entre os dois.

  12. […] Microsoft vs. Apple: essa briga não existe. […]

  13. 13. luiz portela disse em 4 jun 2007 - 21:29

    amigos, desculpem a ignorância, mas alguem conhece um link onde tem este entrevista legendada??? obrigado!!

  14. Luiz,

    Creio que não exista versão traduzida. Infelizmente.

  15. […] Microsoft vs. Apple: essa briga não existe. […]

  16. 16. diego disse em 4 out 2009 - 21:28

    ñ entendo ingres só portugues tem um video dublado ai se tiver posta

  17. 17. Raphael De Lio disse em 4 nov 2009 - 23:14

    Mas o Bill Gates ainda não deixa seus filhos terem ipods hehe

  18. 18. Jackson disse em 7 dez 2009 - 10:24

    Dê uma coisa eu tenho certeza os dois são concorrentes, mas não AMIGOS! Deve ter uma raiva ou ódio um do outro dentro de cada um…mas inveja eu acho que um NÃO tem do outro!
    Mas prefiro o Windows do que MAC e LINUX.

  19. 19. Graneiro disse em 12 abr 2010 - 23:08

    Briga?
    Se a Microsoft tem boa parte das ações da Apple, e o Jobs é sócio e conselheiro da Disney!!
    A Microsoft não ganha nada com a queda da Apple e vice versa.
    Cada uma atua em um nicho de mercado diferente.
    Os dois riem à toa, tem fama e dinheiro para gastarem por umas 200 vidas dos mortais comuns, os dois são os mais importantes players da atual era da informação, praticamente começaram tudo há umas três décadas atrás, roubando a idéia do mouse e da interface gráfica da Xerox, que burramente não sabia o que fazer com aquilo e jogou para o alto a oportunidade de ser uma empresa maior do que é hoje.
    A única com motivos para chorar é a Xerox mesmo!

  20. 20. Leo editor disse em 19 nov 2010 - 15:59

    Vim procurar uma coisa e acabei parando aqui e que meu educador CHATO e GORDO mandou procurar algo semelhante af por que ele mesmo nao faz isso.Gostei da materia da pagina.
    Que educador indiota de chato aff ”Curso de informatica blá blá blá” af curso basico nv aff ate um cachorro sabe.

  21. De fato eu concordo o que você diz, o que eu sempre reclamo do Windows e usar mais o Ubuntu é porque eu gosto de editar as minhas coisas, coisa que eu vivo falando mal do meu iPhone, eu gosto de mexer no meu sistema e deixar ele com meus scripts, meus repositórios e muito mais, mas eu não fico na guerra com os usuários, sim, eu relatei minhas opiniões que eu acho que é melhor, mas eu digo isso no meu ponto de vista, eu sempre falo, se você é que nem eu, gosta de liberdade, faça o que você quiser, a vida é sua, você tem seus pensamentos, você pensa diferente, mas eu segui em frente com minha cabeça, não participo das guerras e nada, eu escrevi num blog sobre Apple no final do ano passado, eu vi o que eram o MacFags, eles chamam o Windows de fracassado, eu chamei também, mas foi numa fase que eu estava com raiva do meu PC por problemas que não tinham nada haver com o sistemas mas eu falei só para ter uma forma de questionar meu PC e minha mãe comprar um Mac para mim por formas pacificas (por exemplo, gosto do Mac pela plataforma, não pelo computador, quero usar todas as plataformas possíveis), mas é isso, o que é importante é o seguinte, cada um com seu pensamento e olhe lá, eu aprendi uma coisa em 2009 quando comecei à alternar de sistemas, todo sistema é bom, só precisa saber usar e se adaptar, foi o que aconteceu comigo quando eu comecei o uso do Linux, abraços, e um excelente post!

  22. […] segundo é um post de um blog sobre a falsa rivalidade entre Bill Gates e Steve Jobs. Apesar de concorrentes em vários segmentos do mercado de tecnologia, os cabeças da Microsoft e […]

  23. 23. Matheus disse em 1 mar 2011 - 17:53

    Bom dia fiquei felis em saber que jobs e gates sao amigos . Quem sabe no futuro os dois junten as marcas ai dara um belo computador exemplo : um mac com varios jogos como ace combat assault horizon ou test drive unlimited etc …

  24. 24. Djalma neto disse em 9 mar 2011 - 08:52

    Incrível que ótimo que a Microsoft e a apple não se dão como concorrentes,a apple e a maior empresa de aperrlhos de informática do mundo e a microsoft e a maior empresa de sftwuer do mundo asim as duas mudarão o mundo da internet

  25. […] post no blog Techbits desmistifica a suposta rivalidade que existe entre Apple e Microsoft, tida como o motor da linha evolutiva da indústria da microinformática nos últimos […]

  26. 26. Lucas Domingues disse em 21 maio 2012 - 16:54

    bom bom

Deixe um comentário

Faça apenas comentários relacionados a este post. Caso tenha dúvidas, sugestões, críticas, ou queira discutir qualquer outro assunto que não esteja relacionado a este post, entre em contato pelo formulário ou através do email [email protected]

Siga-nos no Twitter Nossa página no Facebook Assine o RSS Receba os posts pro email