Google Maps: cada vez mais parecido com o Earth

por Alexandre Fugita

[Mapplets Google Maps] O Google Maps está evoluindo com o passar do tempo. Funcionalidades antes só presentes no Google Earth, são incorporadas ao Maps. A última delas foram os Mapplets, informações úteis, externas, tipo widgets, que flutuam sobre os mapas. Por exemplo, há uma camada do Panorâmio, velho conhecido de que usa o Earth. Fotos[bb] de vários pontos do planeta, colocadas por usuários, retratam cantos conhecidos das cidades, incluindo o Brasil. Um Mapplet curioso é a coleção de “crop circles”, aqueles desenhos feitos por ETs no meio das plantações (imagem acima). O Google Maps vai substituir o Google Earth?

Cloud-centric

Todos sabem, o Google constrói sua base de software na internet. A web é o sistema operacional. E não está errada na sua escolha de plataforma. A internet é universal, compatível com Linux[bb], Windows, Mac, Palm, Symbian, etc… As APIs fazem a integração entre os diversos serviços através da nuvem da internet. Até o pessoal de Redmond tem seus planos nesta área.

Dados estão em algum servidor perdido na nuvem. Uma aplicação web, um cliente de desktop ou mesmo o seu smartphone[bb], buscam nesses lugares as informações que necessitam para rodar. É o conceito de rede expandido para englobar toda a internet. Parece óbvio, mas é mais ou menos isso.

Maps vs Earth

No Google Developer Day, a aplicação do Google com as APIs mais desenvolvidas foi certamente o Maps. Não é à toa que, como se fosse um “Hello World”, quase todo mundo acaba criando uma mashup que envolva o Google Maps. Além disso, como já foi dito, a cada dia novas funcionalidades poderosas são implementadas a essa plataforma. Chega ao ponto de ficar tão parecida com o Earth que este perde a razão de ser.

Uma das perguntas que fiz a um dos especialistas em Earth no Google Developer Day foi se um dia o Google Earth acabaria. Minha argumentação é que vemos o Maps evoluindo com uma rapidez impressionante, além da ótima integração para criação de mashups, enquanto o Earth parece ter parado no tempo. Claro, foi negado, e certamente é verdade. O Earth ainda tem funcionalidades não mimetizáveis por um web service. Mas que o Maps está chegando lá, está.

Mashups

Alguns desenvolvedores estão preocupados com as bilhões de funcionalidades que o Google está incluindo no Maps. Pra quê desenvolver para essa plataforma se logo mais sua incrível criação terá algo similar do próprio Google? Acho que esses desenvolvedores estão chorando à toa. Cada vez que uma funcionalidade nova é implementada no Google Maps, novas oportunidades surgem para mashups interessantes. É só ter criatividade.

Comentários do Facebook
21 comentários
  1. Fugita, Você já ouviu falar do Wikimápia ? É um projeto bacana, emcima da API do Maps, que você pode descrever sem precisar se cadastrar ou coisa do tipo. Muito bacana!

    Coronel Fabriciano já está quase toda descrita :)

  2. Rafael,

    Já ouvi falar, mas nunca usei. Agora falando de Coronel Fabriciano: uma cidade do tamanho da sua, vc quer o quê? Três ruas é fácil mesmo de descrever todas, hehehehe! (brincadeira, não leve a mal!).

    Abraços!

  3. ahahahahhaha, só porque é da Capital do país fica aí tirando onda né… Deixa quieto! Fica aí então comendo fumaça.. hunpft :)

    você que não conhece a campanha “Adote sua cidade ‘ou bairro’ na wikimapia”… precisa voltar a ler meu blog.

    :D

  4. Não sei onde fica Coronel Fabriciano, mas o que me separa de mudar para o interior é a disponibilidade de banda larga em Encruzilhada do Sul (alguém conhece?). E não me importo em que map ela aparece, hehe.
    Impressão minha ou os comentários estão tottaly offtopic? :-)

  5. Rafael,

    É verdade, aqui respiro fumaça, principalmente nessa época de frio. Mas também os mapas estão em maior resolução, hehehe!

    Wikimapia é interessante. E é como vc disse: colaboração!

    j.noronha,

    Coronel Fabriciano fica em MG até onde sei. Esse problema que vc relatou deve ser bastante comum em cidades menores. E também é em bairros afastados do centro em cidades maiores. Conheço pessoas aqui na grande SP que não tem como assinar banda larga simplesmente pq não existe no bairro ou rua dessas pessoas.

    Abraços a vcs!

  6. O que me dava raiva é que o maps para smartphone até mês passado não tinha os mapas de ruas do Brasil. Tinha que usar o Map24. Semana passada (talvez antes) enfim entrou os mapas brasileiros!

  7. Pessoal

    Nesta última segunda, instalei o (novo) Software do Google Earth 4.1.8000 no meu Pc com Windows Vista e derrepente, logo depois do fim da instalação, o computador desligou. Depois de várias tentativas para entrar, mesmo utilizando o CD Original do Vista, com ferramentas de correção ou voltar a um ponto posterior, o computador ainda não se iniciava.

    Solução: entrei com o Kurumim no computador pelo cd, peguei meus arquivos, formatei e instalei novamente o tal!

    Abraços!

  8. Fala Noronha :)

    Não tanto OFFTOPIC, porque o Wikimápia é uma iniciativa muito parecida com o Google Maps, então para quem não conhecia e leu os comentários, além das duas que o Fugita mencionou e tudo mundo já conhece, ainda fica conhecendo mais uma :)

    Abraços, meu nobre!

  9. Fugita,
    Ótima dica em belo texto. O Techbits é leitura obrigatória para tecnologia. Obrigado cara.
    Abraços e sucesso,

  10. 10. Marcos disse em 13 jul 2007 - 16:11

    Bom saber disso, principalmente porque o maps é uma bela alternativa a quem tem uma máquina meio “antiguinha”.

    Mas será que um dia vão conseguir chegar ao nível de “zoom” e detalhes do Google Earth, pelo menos, sem exigir o mesmo de nosso hardware?

  11. O Melhor da Semana na Blogosfera Brasileira – Parte 16…

    Parece que foi outro dia que comecei a fazer esta coluna, e nós já chegamos a décima-sexta edição! O objetivo ainda é o mesmo, chamar a atenção de todos para a força, a criatividade e a variedade da blogosfera……

  12. Fala aí Fugita!
    Já que você está dissecando (e bem, hehe) os serviços do nosso oráculo.
    Dá pra conhecer sua experiência com o Google Gears (melhor que aquele post de anúncio)?

    Você conheceu bem o Off do google?
    Tô curioso com ele.

  13. 13. Ronni Garcia disse em 13 jul 2007 - 20:15

    Um possível caminho é a fusão do Google Earth com o Maps. Sendo que seria interessante ter no mesmo programa informações sobre relevo, hidrografia, oceanografia e geografia urbana.

    Um coisa que sempre quis ver no Earth: um estudo sobre o relevo submarino e as reservas minerais do planeta. Dá pra catalogar isso sim. Antes que alguém diga o contrário. rsrsrsrs

  14. […] Então me lembrei do Micrososft Live Maps; um produto muito semelhante ao Google Maps, que, a propósito, ganhou algumas atualizações esses dias. […]

  15. Jonny,

    Não sei que SO de smartphone vc usa, mas no PalmOS o Google Maps já tinha ruas do Brasil faz um tempo… não sei precisar quanto.. mas com certeza mais de um mês.

    Calebe,

    Que maluquice! Eu ainda tenho o Google Earth instalado mas tenho usado cada vez menos. E nunca deu problemas.

    Rafael,

    Hehehehe! O problema é alguém querer conhecer essas três ruas… hehehe!

    Nelson,

    Obrigado! Mas prefiro a palavra “necessária” ao invés de “obrigatória”, hehehehe, se bem que entendi o que vc quis dizer!

    Marcos,

    Esse é um dos problemas do Maps… o zoom não chega ao mesmo grau do Earth…

    Neto,

    Bom, só conheço aquele tanto que descrevi no texto sobre o Gears… não testei muito mais do que aquilo pois usar o Reader off line nunca foi necessário para mim… Mas com certeza farei novos reviews se novidades aparecerem na área.

    Ronni,

    Na verdade uma das coisas interessantes do Earth é que vc pode criar suas próprias camadas de informações que se sobrepõe ao mapa. Se vc tiver esse tipo de info pode criar uma camada e compartilhar com que se interessar.

    Abraços a todos!

  16. 16. adams disse em 19 jul 2007 - 12:44

    Fugita, eu já uso o Google Maps como guia de ruas. Ele é mais fácil e mais rápido de operar do que sites com o Guia Mais e o Apontador. O Google realmente vai dominar o mundo. Imagine logo mais eles tendo estatísticas de quais locais as pessoas mais procuram. Se uma fulano procurar Times Square o Google poderá explorar uma mídia virtual de uma das peças de mídia exterior do local e, quando o fulano visitar o local verá outra peça da mesma campanha. Isso seria sensacional e assustador.
    ABS

  17. Adams,

    Também só uso o Maps como guia de ruas. Apontador e outros ficaram ultrapassados. O incrível do Maps é que até aquelas cidadezinhas do interior estão mapeadas!

    Abraços!

  18. Estas indiretas…

  19. Rafael,

    Hehehehe!

  20. Olá pessoal,
    Um bom exemplo de mashup que usa a API do Google Maps é o http://www.imobilien.com.br, que usa o mapa para mostrar os imóveis disponíveis para venda e aluguel na cidade.
    Abs,
    Marcos

  21. opa, eu criei um tutorial com imagens de como inserir um google map dinamico em seu site com apenas 8 passos.
    Espero q gostem, está relacionado a este assunto.
    ai vai o link:
    http://www.gasparimsat.com/index.php/26/08/2009/colocar-mapa-google-no-seu-site/

Deixe um comentário

Faça apenas comentários relacionados a este post. Caso tenha dúvidas, sugestões, críticas, ou queira discutir qualquer outro assunto que não esteja relacionado a este post, entre em contato pelo formulário ou através do email [email protected]

Siga-nos no Twitter Nossa página no Facebook Assine o RSS Receba os posts pro email